WhatsApp

69 9205-8984

Bebê é encoleirado pela mãe nas Filipinas e gera revolta no mundo inteiro - Jaru na Web

Internacional

18/09/2015 às 15h10 - Atualizada em 18/09/2015 às 15h10

Bebê é encoleirado pela mãe nas Filipinas e gera revolta no mundo inteiro

-
FONTE: G1-Globo.com

Um bebê de aproximadamente 1 ano foi filmado usando uma coleira e arrastado por sua mãe, nas Filipinas. A criança apareceu em imagens de um vídeo compartilhado pela mãe, não identificada, e reproduzido por centenas de pessoas com repercussão negativa nas redes sociais.


Nas imagens, a criança aparece sem roupa, em frente a um recipiente com algo que parece ração de cachorro e, segundo informação do "Daily Mail", da Inglaterra, ela teria sido arrastada pela própria mãe. As cenas geraram repercussão depois que a ativista social americana Lurleen Hilliard as compartilhou em seu Facebook, e causaram tamanha repercussão que a mãe da criança foi procurada pelo Conselho Tutelar e entregou a guarda do bebê ao serviço social do país. Em entrevista portal inglês, a ativista social, de 46 anos, comentou o caso:



“Eu estava conectada ao Facebook e me deparei com estas cenas compartilhadas na timeline da mãe na segunda-feira. Fiquei furiosa, com o sangue quente. Não há tolerância para uma coisa dessas”.


A ativista argumentou que a atitude de denúncia através da viralização das imagens ajuda a prevenir atitudes semelhantes.


“Se nós toleramos abusos deste nível por pais que compartilham essas imagens com a intenção de ganhar notoriedade, acabamos por permitir que os olhares sejam permissivos. O que me deixou mais preocupada foi: se ela se sente bem com essa situação a ponto de compartilhar numa rede social, o que será que ela pode fazer por trás das câmeras? Se isso é o que ela está disposta a mostrar, o que será que ela não quer mostrar?", perguntou.


Bebê filipino sofreu abuso da mãe e caso gerou repercussão na web
Bebê filipino sofreu abuso da mãe e caso gerou repercussão na web Foto: Reprodução/Facebok

Após a repercussão do caso, Lurleen foi orientada a fazer uma denúncia formal às autoridades. Através de contatos com entidades nos Estados Unidos, a denúncia chegou até às Filipinas e, no dia seguinte, a responsável pela criança foi procurada. A militante, no entanto, tem receio de que a mãe consiga reaver a guarda:


“Aparentemente, o pai da criança trabalha para uma agência governamental do país. Por isso, temo que eles ajam para que ela não seja procurada. Mas vou fazer o possível para isso não acontecer. Temos que, como sociedade, diminuir a incidência de casos de abuso a crianças. A forma como podemos fazer isso é assegurar que pessoas assim, que não podem ser consideradas mães, tenham a guarda do filho suspensa e entregue a criança a quem a possa proteger”.


Criança fi tratada como cachorro em vídeo
Criança fi tratada como cachorro em vídeo Foto: Reprodução/Facebook

Além da ativista, milhares de internautas se pronunciaram sobre o caso.


"Abuso puro e simples! Deve ser mostrado para o mundo! as pessoas precisam ver que podem agir contra isso", "A mãe desta criança deveria ser presa!", "Eu me preocupo com uma criança dessas, que nem pode se defender! Eu me sinto doente ao ver que existem pais que agem assim", indignaram-se os internautas.

Comentários

Veja também

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

© Copyright 2015 - 2018 :: Todos os direitos reservados